Jornal Cidade - Uruaçu-GO
COLUNAS
AGENDA POLÍTICA
SOCIAL
RELIGIÃO
SABOR DA LEITURA
SAÚDE DO CORAÇÃO
ESPAÇO ESPÍRITA
ESPECIAIS
IMAGEM...
ACONTECIMENTOS
ESTREVISTAS
ARTIGOS
URUAÇU - HISTÓRIA
SERVIÇOS
FALE CONOSCO
SEJA ASSINANTE
SEJA ANUNCIANTE
INFORMES
EVENTOS
NOSSO JORNAL
EXPEDIENTE
WEBMAIL

 

 

 
SABOR DA LEITURA
Dr. MARIANO PERES
15-08-2015 19:08:39
CANTIGA DA DELAÇÃO PREMIADA

No meu dicionário melhoramentos

Está escrito:

Delatar. Vtd. Apontar o responsável por crime ou delito.

Delator (ô). sm. Aquele que delata; alcagüete, dedo duro.

Na linguagem do povo, “cagueta”, x-9.

Eis o delatar premiado,

Na língua padrão e na língua da rua.

 

Cagueta, em verdade,

É aquele que delata o companheiro de crime.

No baixo mundo da delinquência,

(Que se contrapõe ao mundo da alta sociedade)

São os inferiores,

Os que mais facilmente são presos

E entregam os colegas mediante “pressão”,

Pressão que se traduz em tortura.

 

Ladrão de galinha

É tratado a cassetete e pau-de-arara.

Presidente de mega empresa,

É tratado a caviar e pão de ló.

Ladrão de galinha

Tem um qualificativo: cagueta;

Diretor de grande empresa

Não tem adjetivo,

É identificado por um substantivo composto:

Delação premiada.

Que bela sonoridade: delação premiada.

Ladrão de galinha

Que denuncia colega

É cagueta, mesmo

Mas tem um privilégio,

Recebe três prêmios:

Uma surra da polícia

E outra dos “amigos” caguetados.

E um prêmio extra:

Uma noite inteira pendurado no pau-de-arara,

Com direito a balde de água gelada na cara

Para recobrar os sentidos.

Para os barões empreiteiros

Que subtraíram bilhões

Da Petrobrás ou das empreitadas,

Qual será o prêmio?

 

Os delatores premiados

Caguetaram presidente da República,

Ex-presidentes

E mais um monte de gente,

Somente gente importante

Porque eles mesmos são importantes.

 

Os caguetas premiados

São caguetas caros.

Não são desses que no pau-de-arara

Depois de um dia inteiro de tortura,

Pendurados e apanhando,

Entregam o colega que furta galinha.

Não!...

Delator premiado só entrega companheiro

Que levante de um milhão pra cima.

Dedo-duro chique

Não cagueta mixaria, não.

Carro popular?

Que dia...

Nem falar!...

Isso é coisa pra cantora de forró.

Carro pra merecer gaguetagem

De delação premiada

Tem de custar mais de um milhão.

PERGUNTO:

Quem será pior,

O cagueta do pau-de-arara

Ou o DELATOR PREMIADO?

RESPONDO:

O DELATOR PREMIADO!

 

Nem se compara!

O do pau-de-arara

Entrega o companheiro

Pra não morrer de apanhar,

Pendurado no pau-de-arara,

Entrega, pois,

Em legítima defesa da vida.

Já o premiado,

Vende o colega

Ou entrega como mercadoria de barganha.

Permuta o companheiro

Por uma redução de sua própria pena,

Revelando covardia e deslealdade!

É o mais baixo ponto

Da decadência moral

Concluindo um crime

Com outro crime,

Este muito mais grave

Pois que não é um crime

Perante lei do estado,

Mas contra a lei DIVINA,

CONTRA A PRÓPRIA CONSCIÊNCIA.

Esse é o cagueta mais desqualificado

Dentre os bandidos.

Se assim o qualifico, é porque

Não tenho dúvida:

Quem se apropria ilicitamente

De milhões da Petrobras

É mais prejudicial à sociedade,

Portanto mais bandido

De que

Quem furta uma bomba de cisterna.

 

[06-07/07/2015]

DR. MARIANO PERES reside em Uruaçu e, é advogado, escritor, poeta e membro da Academia Uruaçuense de Letras (AUL). Contatos: (62) 3357-2377 e mrianoperes@hotmail.com. Visite o site http://mariano.peres.zip.net

Histórico
  » 27-08-2015 11:08:02 - ROMEIRO
  » 15-08-2015 19:08:39 - CANTIGA DA DELAÇÃO PREMIADA
  » 27-07-2015 08:07:41 - DEBAIXO DO PÉ DE MANGA - Cantiga
  » 09-07-2015 12:07:57 - SONETO EM DECASSÍLABOS
  » 26-06-2015 20:06:56 - Cantiga do Pé de NONE
  » 13-06-2015 12:06:56 - SERENATA
  » 31-05-2015 05:05:09 - Imprevisão
  » 10-05-2015 23:05:57 - CANTIGA PARA O DIA DAS MÃES
  » 12-04-2015 23:04:30 - GATOS, COBRAS E LAGARTOS
  » 20-03-2015 10:03:53 - FALANDO DE MIM
veja o histórico completo
  Untitled Document
Enquete

Você conheceu pessoalmente alguém que tenha morrido devido ao frio ou ao calor?

   Sim
    Não

    Votar

    Parcial

Consulta entre 1º e 31 de julho/2018
Google
Google